Educação Física, Esportes, Polo aquático, Trabalho Escolar, Trabalhos Escolares

Polo aquático – (Educação Física – Esportes)

O Polo aquático é um esporte de confronto entre duas equipes, cujo objetivo é fazer o maior número de gols possíveis para a sua equipe. Esse esporte tem muita semelhança com o handebol, uma vez que a bola é passada com as mãos e arremessada ao gol. Mas, há uma característica definidora para o polo aquático: ele é jogado na água. Portanto, saber nadar é fundamental para a prática desse esporte.

Embora não seja um esporte muito popular entre nós brasileiros, o polo aquático é disputado em Jogos Olímpicos desde 1900, nas Olimpíadas de Paris. O Brasil, por sua vez, só teve vaga na disputa nos Jogos de Antuérpia, em 1920, quando conquistou a sexta colocação. Para fins oficiais, o polo aquático teria surgido na Inglaterra durante o século XIX, mas há indícios de que ele já era jogado no século XVII na Escócia e na própria Inglaterra.

Oficialmente, as competições são disputadas em piscinas de dimensões variáveis: a largura deve medir entre dez e vinte metros; o comprimento deve medir entre 20 e 30 metros; e a profundidade mínima deve ser de dois metros. A duração de uma partida é de quatro tempos de sete minutos cada. A bola apresenta massa variável entre 400 e 450 gramas e são diferentes para jogos femininos e masculinos.

As duas equipes são formadas por sete jogadores cada, os quais não podem pegar a bola com as duas mãos ao mesmo tempo (com exceção do goleiro) e nem afundar a bola para impedir o adversário de roubá-la. A diferenciação entre os jogadores de cada equipe se dá por meio da cor da touca, que deve ser distinta entre os times. Mais uma vez os goleiros são exceções: ambos usam toucas de cor vermelha. Além disso, deve-se frisar que, embora o contato físico seja constante, bater, empurrar e chutar os adversários, são consideradas atitudes proibidas. A condução da bola deve ser feita sempre com uma das mãos ou com os braços.

Deve-se lembrar que as infrações são sempre apontadas pelos juízes. Embora já tenham sido tratadas de modo mais delicado na passagem anterior, resumiremos as ações que são consideradas como faltas:

– O jogador não pode segurar a bola com as duas mãos ao mesmo tempo;

– Manter a bola embaixo da água;

– Empurrar o adversário.

– Cada jogada deve ser realizada em até vinte e quatro segundos.

Anúncios
Standard

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s